ACISC

Certificado Digital

 

CAIXA - Alta de 680% no refinanciamento de imóveis

 
11/08/2011
 

A Caixa Econômica Federal já liberou neste ano, na região, aproximadamente R$10 milhões por meio do Crédito Aporte CAIXA, um volume 680% maior que o registrado no mesmo período do ano passado.

A Informação é do gerente regional da CAIXA, Marcelo Ribeiro da Silva. "Nessa linha de crédito o cliente oferece um imóvel como garantia da operação, e por isso ela também é conhecida como refinanciamento de imóveis", explica ele. Os recursos financeiros disponibilizados nesta modalidade podem ser usados para qualquer finalidade, com pagamento em até 180 meses.

O imóvel oferecido como garantia pode ser residencial, comercial ou até um terreno. Com taxas de juros a partir de 1,51% ao mês mais TR o valor do crédito pode chegar a 70% do valor do imóvel de propriedade do interessado. O Crédito Aporte CAIXA costuma ser utilizado por empreendedores autônomos ou sócios de empresas que desejam aportar capital para reorganizar sua vida financeira e procuram por recursos de longo prazo. Outros buscam recursos para investir nos estudos dos filhos, trocar uma dívida cara por essa mais barata, ou adquirir bens e imóveis.

"Essa operação é muito comum nos países desenvolvidos, e o expressivo crescimento registrado pela CAIXA demonstra que a opção vem ganhando força no Brasil", avalia o superintendente regional da CAIXA Carlos Henrique Almeida Custódio. 

Para ter acesso ao crédito o cliente só precisa ter um lote urbano, ou um imóvel comercial ou residencial, mesmo alugado ou ocupado, que possa ser apresentado como garantia (alienação fiduciária), e que esteja desembaraçado de quaisquer ônus. Para empréstimos de até R$200 mil poderá ser aceito o carnê do IPTU, em substituição à avaliação pela engenharia da CAIXA. Não há limite máximo de empréstimo ou de valor de imóvel, respeitada a capacidade de pagamento do cliente.

Certificado Digital

 

Portal Educação