ACISC

Certificado Digital

 

Guilherme Afif Domingos, balanço da FACESP

 
27/03/2007
 

Guilherme Afif Domingos

"Empreender e participar"

Foram quatro anos de militância, de luta pelo empreendedorismo no Brasil. A gestão do empresário Guilherme Afif Domingos foi marcada pelo engajamento da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) em campanhas pela inclusão social, redução da burocracia, pela transparência tributária e contra tentativas do Fisco, em qualquer uma das esferas de governo, em aumentar a abusiva carga fiscal - que na época da sua posse já batia em 35,86% do Produto Interno Bruto (PIB).

A ACSP uniu-se a diversas entidades de classe em busca de melhores condições para o empresariado brasileiro. E conseguiu históricas vitórias, que mudaram o rumo do País, como a derrubada da Medida Provisória 232 que, na calada da noite, ampliava o peso dos tributos sobre as pessoas jurídicas.

Mesmo vice-presidente, e também secretário do governo José Serra, o turbilhão Afif Domingos não deixa de militar contra a política tributária do governo federal. Defende a continuidade da mobilização da sociedade pelo restabelecimento da Emenda nº 3, vetada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A emenda, retirada do texto que criou a Super-Receita, impede a autuação de empresas por fiscais que interpretarem haver vínculo empregatício entre duas pessoas jurídicas.

Afif também defende a vigilância sobre o projeto de lei "De Olho no Imposto", que tramita no Senado Federal e pede a discriminação dos impostos nas notas fiscais. O projeto é resultado de uma ampla mobilização da sociedade, que começou em janeiro de 2006 e terminou seis meses depois com a obtenção de 1,5 milhão de assinaturas pela transparência tributária.

Nos últimos quatro anos, a Associação Comercial lutou bravamente por uma maior conscientização do peso que os tributos têm na vida dos brasileiros. Foram criadas ferramentas como a Calculadora do Imposto, o Feirão do Imposto e o Impostômetro - Sistema Permanente de Acompanhamento das Receitas Tributárias, que revela os valores arrecadados pelas três esferas de governo. O taxímetro do Fisco, instalado no prédio da ACSP, chama a atenção de quem passa pelo Centro de São Paulo e, inclusive, já virou ponto turístico da cidade.

A Associação Comercial também desempenhou um papel importante na área social, com o desenvolvimento do Movimento Degrau e o lançamento do projeto Teatro das Universidades, que entrou em seu terceiro ano. Liderado pelos atores Paulo Goulart e Nicete Bruno, o projeto já percorreu 39 faculdades e atingiu um público de quase 60 mil pessoas.

O saldo do Movimento Degrau também é positivo. Criado há cinco anos, já empregou milhares de jovens, como o pequeno Robson Ferreira Borges, de 14 anos. Ele começou a trabalhar há poucos meses na Associação Comercial, mas já alimenta um sonho: presidir a empresa que lhe deu a primeira oportunidade de trabalho. E conseguir levar adiante tudo o que a entidade conseguiu em seus 112 anos de história.

Certificado Digital

 

Portal Educação